Sábado, 28 Dezembro 2019 08:57

SEGURANÇA EM PRIORIDADE NO GOVERNO DENARIUM

Avalie este item
(85 votos)

O governador Antonio Denarium traçou três prioridades para as ações da Segurança Pública no primeiro ano de mandato, o combate ao crime organizado, ao crime violento e à corrupção.

Mesmo com pouco recurso financeiro para fortalecer o trabalho das forças de segurança do Estado, foi possível registrar muitos avanços.

Um dos passos importantes, e que foi fundamental para melhorar a segurança da população, foi a criação do Pacto Pela Segurança.  Além da queda do número de homicídios, Denarium destacou o aumento das apreensões de entorpecentes.

 “O pacto pela segurança rendeu bons frutos para a sociedade de Roraima. A integração dos órgãos de segurança permitiu o combate das organizações criminosas. Os índices de homicídios caíram, e a assinatura da FICCO [Forca Tarefa de Combate ao Crime Organizado] foi responsável por diversas apreensões de drogas e armas”, lembrou.

Conforme os dados do Ministério da Justiça e Segurança Pública houve uma redução de mais de 31% nos índices de Crimes Violentos Letais Intencionais em comparação com o mesmo período do ano passado. Roraima foi o 3º Estado no país que mais reduziu os índices criminais.

 “Esse resultado positivo é fruto do esforço da nossa gestão de fortalecer as forças de segurança do Estado, que se empenharam em combater os atos de criminalidade na Capital e Interior. Principalmente, por conta da crise migratória que afetou várias áreas da sociedade”, mencionou Denarium.   

As fronteiras do Estado receberam uma atenção especial do governo, que reativou o GGI (Grupo de Gestão Integrada de Fronteira). O governador disse que a missão é integrar e articular ações de segurança pública unindo inteligência e controle das Forças federais, estaduais e municipais.

  “Já reunimos diversas instituições que têm participação na segurança pública de Roraima para produzirmos aqui iniciativas para intensificar as nossas proteções, tanto em Pacaraima como em Bonfim, como também no sul do Estado”, disse.

Outro avanço que pode-se destacar é quanto à melhoria da segurança do Sistema Prisional do Estado. Denarium lembra que o Governo Federal contribuiu com a atuação das FTIP [Forças-Tarefas de Intervenção Penitenciária] para auxiliar o Estado a lidar com as situações de crise que se encontrava nos presídios.

 “Logo que assumi a gestão solicitamos do Executivo Federal que o FTIP continuasse atuando no controlar de rebeliões e no treinamento dos agentes locais. Diante disso, não ocorreram mais rebeliões ou fugas em nosso sistema prisional”, ressaltou.

O governador afirmou que os projetos de sua gestão para a segurança pública vão além do seu mandato, pois são iniciativas que irão nortear as ações de segurança e que beneficiarão as próximas gerações.

 “Podemos citar a aprovação do Fundo Estadual de Segurança Pública, que torna o Roraima habilitado a receber recursos federais, o investimento na inteligência policial, o Pacto de combate à corrupção e a realização da 1º reunião técnica de planejamento do 'Eixo Estratégico de Segurança 2030', pontuou.