Terça, 29 Outubro 2019 09:08

ELEIÇÃO DA UFRR - SUJEIRADA NOS BASTIDORES

Avalie este item
(27 votos)

REDAÇÃO AgênciaNorte

agnorte.com.br

Por Marlen Lima

Amanhã, 30, quarta, será dia de votação na UFRR - Universidade Federal de Roraima - e após ter sido adiada a votação, que teria que ter ocorrido na última sexta, 25, chapas disputam  Reitoria e Vice Reitoria. 

Porém, nos bastidores desta eleição o que ocorre é uma torpe ação de asseclas do atual reitor Jefferson Fernandes, que tenta se manter no poder, e daí suspeições fortes de casos de sujeirada, com eleições marcadas pela troca de votos por cargos.

A verdade é que Jefferson Fernandes tem muito o que explicar e a CGU - Controladoria geral da União - investiga contratos das UFRR - onde ficou certo que recursos da Universidade foram usados para beneficiar a casa do reitor - além de superfaturamento de veículos, consertos, serviços outros, que não foram realizados, mas, foram muito bem pagos.

Até agora o que se viu é que tem muitos contratos com atos irregulares assinados por Jefferson. 

Pior.

Asseclas de Jefferson agem espalhando notícias de que acusações como esta - em processo pela própria CGU - e ainda do Ministério Público Federal (MPF) seriam peças investigativas mentiroras. Acusa notícias, como esta aqui, de Fake News.

Oras, fake é o que s etenta fazer em deixar o eleitor servidor federal confuso.

Na real, tudo isso tem sido feito como forma de tentar ludibriar os servidores nesta eleição, istoporque Jefferson tem sentido que a verdade é que ele pravaricou.

A verdade é que esta atual gestão age como se estivesse com o seu nome certeiro em ser o mais votado e escolhido para se manter na Reitoria - mas, os pesados processos mostram que recursos estão sendo desviados, surrupiados.

ufrr denuncias eleicao jefferson

ufrr denuncias eleicao jefferson2

ufrr denuncias eleicao jefferson3

A sujeirada vai longe quando os amigos do Rei...Reitor tem um equema de diárias em que servidor da UFRR deveria viajar, mas, não viaja, porém, recebe diária assim mesmo!!

Quando um homem é eleito com a história que Jefferson Fernandes pregou, lá atrás, quando se candidatou,e foi eleito Reitor, neste período ele veio com discurso de ética, transparência, e acima de tudo no combate contra prevaricação e desvio de recursos e tal...Mas, ao assumir tais atos passam a ser, a ver pelo o que se comprova pela CGU, que o atual reitor decidiu seguir outro caminho e quem tem pago esses arroubos de 'amizade' com diárias pagas que não deveriam; e carros, serviços com superfaturamento, são atos altamente comum nesta atual gestão da Reitoria da UFRR.

A eleição é quarta, e lastimável que uma história que prometia hoje é este falsete!!