Segunda, 02 Setembro 2019 19:55

CRIANÇA PLANEJANDO É CRIANÇA CIDADÃ

Avalie este item
(0 votos)

Crianças são as primeiras a dar sugestões para a elaboração do Plano Municipal da Primeira Infância...Lei estabelecerá diretrizes, orientações e metas a serem cumpridas pelo município com foco no desenvolvimento infantil

Por Gleide Rodrigues

“Eu quero mais escolas, parquinhos e praias”. Esse é o desejo do Pedro Henrique, de 5 anos. Ele é uma das crianças ouvidas nesta segunda-feira (2) na primeira escuta ativa para a elaboração do Plano Municipal da Primeira Infância de Boa Vista (PMPI). As crianças são as protagonistas e dão ideias e sugestões para o documento, que depois de pronto, será encaminhado à Câmara Municipal.

O plano estabelecerá as diretrizes, orientações e metas a serem cumpridas pelo município, independente do prefeito. É a garantia de que o cuidado com as crianças na educação, saúde, no social, nas obras e em toda a cidade de Boa Vista continue. Para isso, os pequenos estão tendo participação ativa na elaboração do plano.

“Esse trabalho que estamos fazendo do Plano Municipal da Primeira Infância está dentro do Marco Legal e poucas cidades no Brasil já desenvolveram. Somos a primeira capital da região Norte. Então, a gente vai discutir a cidade com o olhar para a criança, com os adultos, arquitetos, mas também com a criança. É a percepção dela da cidade”, disse a prefeita Teresa Surita.

48668035997 0a8af262bc z

Nesse primeiro momento, estão sendo ouvidas crianças de 4 a 6 anos de idade. Elas são acompanhadas por uma equipe de pedagogos e estimuladas a contarem suas perspectivas. Durante a escuta, as crianças expressam por meio de desenhos, o que gostam e o que não gostam e, ainda, o que querem para Boa Vista. “Eu gosto da Praça das Águas. Queria mais praças iguais”, foi o pedido da Emilly  Vitória Rodrigues, 5 anos.

CRIANÇA CIDADÃ

A pedagoga Patrícia Monteiro integra a equipe que faz as abordagens durante as escutas. Segundo ela, a ideia é captar a impressão da criança enquanto cidadã. “Nós usamos uma técnica de oficina, um encontro em grupo onde a gente chama a criança para refletir acerca do ambiente em que vive, a impressão que tem do dia a dia dela. Todas as falas serão transportadas para dentro do Plano. Os desenhos e as atividades que elas estão desenvolvendo farão parte do documento”, explicou.

As escutas com as crianças continuam esta semana. Órgãos públicos, instituições e sociedade civil também serão ouvidos. A elaboração do Plano Municipal da Primeira Infância ocorre de forma democrática e participativa. Todos os interessados poderão dar sua contribuição para a construção de uma política pública efetiva voltada ao bem-estar das crianças.

O documento estabelecerá a ação do poder público, cujo papel na garantia dos direitos da criança é central. Cada governo que assumir a prefeitura deverá apresentar um plano de ação, detalhando iniciativas para o alcance das metas traçadas.

 48667879441 fa8744bc89 z

PLANO

Trata-se, portanto, de um plano da cidade, para a cidade, e não de um plano de governo, de uma gestão específica. Uma lei municipal para tornar Boa Vista uma cidade mais acolhedora, com mais oportunidades e mais justa para todos.

“Você torna a cidade mais humana, você traz a família, você cria pontos turísticos de lazer de uma forma muito mais forte e você desenvolve ações que completam a saúde, educação e social com a infraestrutura urbana. Isso realmente faz uma diferença grande para a qualidade de vida de uma cidade”, concluiu a prefeita.

 

CAPITAL PRIMEIR INFÂNCIA

Em 2013, uma lei de autoria do executivo municipal criou o programa Família que Acolhe. Foi o início das políticas públicas de primeira infância em Boa Vista.

O programa integra serviços em diversas áreas do município. Uma lei avançada que prioriza o desenvolvimento integral das crianças por meio do acesso a serviços de saúde para gestantes e bebês, vagas garantidas em creches e escolas e estímulos ao fortalecimento dos vínculos afetivos entre pais e filhos.

 48667877866 6d90a265fb z

OS AVANÇOS

 

POR QUE TÃO IMPORTANTE

A primeira infância inicia na gestação e vai até os seis anos de vida. É a fase em que o cérebro apresenta sua capacidade máxima de aprendizagem. Nela, a criança é moldada pelas experiências, relações, interações com as pessoas e o meio ambiente.

Cuidado, carinho, afeto e muito amor têm o poder de construir algo grandioso para essa criança se tornar um adulto mais preparado emocional e psicologicamente.

48667878151 ef231a0693 z 

 

Acesse mais informações no Portal de Notícias da Prefeitura de Boa Vista.
Siga o Twitter @PrefeituraBV e curta a página facebook.com/prefeituradeboavista