Sexta, 03 Maio 2019 12:41

CÂMARA DE COMÉRCIO GANHA FORTE ARTICULADOR

Avalie este item
(0 votos)

REDAÇÃO AgênciaNorte

www.agnorte.com.br

Ao assumir a presidência da Câmara de Comércio Brasil/Guiana, o empresário Remídio Monai deve usar de toda sua experiência política, uma vez que foi deputado estadual por dois mandatos e mais um como deputado federal, ou seja, 12 anos de atuação parlamentar lhe dá a devida bagagem para negociações que visam o crescimento econômico dos dois países, sobrando mais especialmente para Roraima.

Remídio, que é empesário da área de transporte, afirma que trabalhará para diminuir a burocracia entre o Estado com o país vizinho, a começar pelo tráfego de Bonfim com Lethen, na Guiana. eleito na última quarta, 1º, o ex deputado tem ao seu lado na Diretoria da Câmara de Comércio - Eduardo Oestreicher, como 1° vice-presidente e João Batista Mendonça de Oliveira no cargo de 2º vice-presidente.

Outro primeiro passo para a nova diretoria é obter uma nova sede física. Está já sendo trabalhada para os empresários, de todos os segmentos, a primeira viagem da Câmara de Comércio para a Guiana.

“Nós queremos que não tenha essa burocracia que temos hoje. Então, nós estamos trabalhando em várias frentes junto ao Consulado da Guiana, as entidades de classe e associações”, informou. 

Da experiência política, Remídio pretende colocar em prática para atuar como interlocutor junto ao governo brasileiro a fim de buscar soluções para questões cruciais ao desenvolvimento dos comércios entre os dois países, como por exemplo, na redução das taxas aduaneiras, seguros, tarifação e melhoria da infraestrutura logística.

Para este semestre, em junho, está previsto a vinda de empresários da Guiana para reuniões no Estado. Em tema especialmente o acordo de transporte de passageiro e carga da Guiana e Boa Vista.

“Desde 2005 que esse acordo foi assinado e até hoje não saiu do papel. Então nós queremos fortalecer essa discussão e começar esse comércio, aproveitar o crescimento da Guiana e poder vender e comprar, fomentando não só Roraima, mas toda a região norte”, complementou Remídio, que deixou de concorrer a uma reeleição quase certa na Câmara Federal para voltar a cuidar dos negócios, 'da família ficar mais prócimo', porém, o convite para presidir a Câmara de Comércio Guiana/Brasil é mais um desafio que o empresário acrescenta na sua lista de embates - que num retrospecto simples há muito mais vitórias que derrotas, estas com sabor de recomeçar sempre.