Quarta, 03 Abril 2019 09:59

RR NA EIRA INTERNACIONAL DE SEGURANÇA

Avalie este item
(0 votos)

Roraima é representado em Feira Internacional de Segurança e encontro Nacional dos Chefes de Polícia...Na pauta de discussões, o projeto de Lei Anticrime do Ministério da Justiça e o aperfeiçoamento das Polícias Civis na investigação de crimes de lavagem de dinheiro

Os chefes de Polícia Civil do Brasil estão reunidos terça-feira, dia 2, no Riocentro, no Rio de Janeiro, para a 53ª Reunião Ordinária do CONCPC (Conselho Nacional dos Chefes de Polícia Civil do Brasil).

O delegado geral de Polícia Civil de Roraima, Herbert de Amorim Cardoso, participa do evento, que trás, entre outras pautas, a política de combate à lavagem de dinheiro e de acolhimento às vítimas de violência doméstica.

Simultaneamente ao encontro dos chefes de Polícia Civil, ocorre no local a LAAD Defence & Security, a Feira internacional de Defesa e Segurança, considerada a maior e mais importante feira de defesa e segurança da América Latina.

A Feira internacional de Defesa e Segurança conta com o apoio institucional do Ministério da Defesa, das Forças Armadas, do Ministério da Justiça e da estrutura brasileira de Segurança Pública.

A abertura da reunião do Conselho Nacional dos Chefes de Polícia Civil do Brasil foi realizada pelo ministro da Justiça e Segurança Pública (MJSP), Sérgio Moro e o governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel.

Ainda nesta terça-feira, os chefes de Polícia Civil do Brasil receberão informações sobre a tramitação das demandas do CONCPC junto ao Ministério da Justiça. Também será tratado sobre a devolutiva em relação à Identidade visual das Polícias Civis no Brasil; a estrutura de combate à corrupção; a política de combate à lavagem de dinheiro e de acolhimento às vítimas de violência doméstica.

Nesta terça, 2, o CADE (Conselho Administrativo e Defesa Econômica) fará uma apresentação de caráter institucional sobre as atividades desempenhadas em repressão a cartéis, que além de ilícito administrativo também é crime tipificado nas Leis 8.137/90 e 8.666/93.

O colegiado vai discutir também sobre a reforma da Previdência, principalmente no tocante a aposentadoria dos policiais civis de todo o País.

PROGRAMAÇÃO

Na quarta-feira, dia 3, o secretário nacional de Segurança Pública, Guilherme Cals Theophilo, apresentará pela manhã, a proposta de Lei Geral da Polícia Civil. Em seguida, o colegiado discutirá sobre o projeto de Lei Anticrime do Ministério da Justiça.

Pela tarde será tratada a pauta legislativa do Conselho Nacional dos Chefes de Polícia. Em seguida, será apresentado pelo delegado da Polícia Civil do Distrito Federal George Couto, que é subsecretário de Inteligência da Secretaria de Segurança Pública do Distrito Federal e a coordenadora do Laboratório Contra a Lavagem de Dinheiro do Rio de Janeiro, Patrícia Alemany, sobre o aperfeiçoamento das Polícias Civis na investigação de crimes de lavagem de dinheiro.

No final da tarde ocorrerá a eleição da nova diretoria para o biênio 2019/2020 e será apresentada a programação da agenda operacional de 2019.

Na quinta-feira, dia 4, ocorrerá uma visita técnica à Cidade da Polícia Civil do Rio de Janeiro e visita livre à Feira Internacional de Segurança Pública.

Para o delegado Herbert Cardoso, as resoluções propostas, são de extrema importância para fortalecer as Polícias Civis no Brasil.

“Estão sendo discutidas questões de extrema importância para as Polícias Civis de todo o País. Estamos tratando de estratégias que visam fortalecer os trabalhos de combate a crime organizado, à lavagem de dinheiro e o tráfico de drogas”, destacou Cardoso.