Quinta, 14 Abril 2022 09:20

UBS DESCENTRALIZADAS

Avalie este item
(0 votos)

UBS exclusivas para casos de covid-19 vão atender com todos os serviços da atenção básica

Por Jamile Carvalho

A partir desta segunda-feira, 18, as unidades básicas de saúde que atendem casos exclusivos de covid-19 serão descentralizadas, passando a funcionar com todos os serviços da atenção básica da rede municipal de saúde.

A medida leva em consideração os indicadores epidemiológicos e assistenciais da covid-19 e ainda a redução no número de casos da doença e atendimentos nas unidades.

A ideia é reorganizar a rede básica de saúde, com a retomada das atividades assistenciais nas 34 UBS. Caso os índices voltem a subir, novas medidas serão tomadas a partir de mudanças no perfil epidemiológico.

Dessa forma, serão sete UBS atendendo com horário estendido até meia-noite: UBS Olenka Macellaro, Caimbé; UBS Mariano de Andrade, Caranã; UBS Délio Tupinambá, Nova Cidade; UBS Aygara Motta, Cidade Satélite; UBS Lupercio Lima, Pintolândia; UBS São Vicente; UBS Silvio Botelho, Paraviana. Estas funcionarão de segunda a sexta, das 7h até meia-noite; sábados, das 8h às 20h e feriados das 8h às 18h.

Bem antes da pandemia, quatro UBS já atendiam com horário estendido (Olenka, Délio, Mariano e Aygara). A UBS Silvio Botelho manterá o horário ampliado para atender a população da UBS 31 de março, enquanto esta passa por reforma. Já a UBS Equatorial volta a funcionar em horário normal de atendimento, das 8h às 12h e das 14h às 18h.

Além dos atendimentos relacionados a casos de covid-19, todas as unidades passam a atender também com os demais serviços da atenção básica, como vacinação, consultas médica e de enfermagem, testes rápidos (Sífilis, HIV e Hepatite), emissão do cartão SUS, carteira de saúde, pré-natal, preventivo e outros, cada uma no seu horário de atendimento.