Terça, 16 Novembro 2021 18:24

ARTCANTO TRANSFORMANDO SONHOS EM REALIDADE

Avalie este item
(0 votos)

Projeto ArtCanto transforma sonhos de crianças e jovens talentosos na música em realidade...O projeto ensina as técnicas do canto coral para 150 integrantes e deve ser ampliado em 2022 com a nova oficina de violões

POR Ceiça Chaves

 

Quem tem talento musical, geralmente sonha com as oportunidades que a vida pode oferecer na área. Desde 2001, por meio do Projeto ArtCanto, a Prefeitura de Boa Vista abre portas e janelas de oportunidades para que crianças, adolescentes e jovens entre 7 e 17 anos aperfeiçoem a arte de cantar através da educação musical e a prática do canto coral.

Este era o sonho da jovem Joana Ruth, de 17 anos, que se apaixonou pelo projeto ao  assistir uma das apresentações do espetáculo Natal da Paz. Desde pequena cantando na igreja, agora é uma das 150 vozes do tradicional coral ArtCanto da prefeitura.

“Eu tinha esse sonho de entrar no projeto e a oportunidade veio em 2020. Eu já sabia cantar, mas estou aprendendo as técnicas e a parte teórica da música. O projeto é essencial para quem canta e quem gosta”, disse.

NOVAS TÉCNICAS

Sob a regência do maestro Deivy Ojeda, do pianista Daniel José e com apoio dos educadores sociais, os integrantes trabalham as técnicas vocais do canto coral infantojuvenil, além de aprenderem sobre música popular brasileira, erudita e regional.

E o ArtCanto não é só cantar. São anos de dedicação à música, com direito a acompanhamento social, escolar e orientação profissional para o mercado de trabalho. Além disso, recebem um incentivo mensal de R$ 230. Desde os nove anos de idade, a adolescente, Yasmille Alexandre, 12, faz parte do coral, que, para ela representa uma grande família.

“A alegria é imensa de fazer parte do coral. A gente gosta de estar aqui, de estar com os educadores e de aprender. Quando eu descobri o ArtCanto, eu disse ‘Mãe é agora!’. Tudo que aprendo aqui eu coloco em prática, todas as técnicas, os exercícios vocais. Esses ensinamentos eu levo para a vida”, disse.

O educador social, Gilmar Prado, se sente honrado em fazer parte de um projeto que tem transformado sonhos em realidades. “Temos recebidos grandes talentos no projeto. Uma das primeiras etapas é o teste de voz. Muitos já têm alguma experiência vocal ou, pelo menos, gostam. Aqueles com mais experiências acabam aprimorando com as técnicas dos maestros e aqueles que querem aprender despertam o dom de cantar”, disse.

O retorno presencial das aulas

O retorno começou a partir de 25 de outubro, de forma estratégica, pensando sempre nos cuidados devido a pandemia. Os ensaios estão ocorrendo por naipes: às segundas-feiras participam das aulas presenciais o grupo de vozes sopranos, às terças-feiras os contraltos, às quartas é a vez dos tenores e barítonos e na quinta-feira é o ensaio geral.

O coral também está preparando o repertório natalino para o Natal da Paz. A novidade para 2022 é a Oficina de Violões, que vai oportunizar um novo aprendizado dentro do projeto e abrir espeço para os amantes do violão.

Município atende 3 mil crianças, adolescentes, jovens e idosos em projetos sociais

Um dos principais desafios de uma gestão pública é proporcionar qualidade de vida a seus moradores. Visando esse propósito, hoje são mais de 3 mil pessoas atendidas através dos projetos sociais: Crescer, Dedo Verde, Rumo Certo, ArtCanto, Cabelos de Prata e Conviver.

São crianças, adolescentes, jovens e idosos envolvidos em atividades de convivência, musicalização, geração de renda, sustentabilidade e conscientização ambiental, mercado de trabalho, e que promovem a qualidade de vida na terceira idade. 

 

 

...

SEMCOM PMBV