Imprimir esta página
Segunda, 13 Setembro 2021 09:42

MUTIRÃO PELO SORRISO

Avalie este item
(2 votos)

“LÁBIO LEPORINO” - Crianças atendidas em mutirão cirúrgico recebem alta neste fim de semana

A iniciativa marca mais um investimento da Prefeitura de Boa Vista na saúde pública, com a inauguração de um núcleo especializado para este tipo de tratamento

Por Marcus Miranda

Um total de 14 crianças que aguardavam cirurgia do chamado ‘Lábio Leporino’, uma má formação do lábio ou palato (céu da boca), estão sendo atendidas em um mutirão cirúrgico, que acontece desde a última quinta-feira, 09, no Hospital da Criança Santo Antônio (HCSA). Até então, 10 crianças foram operadas e já receberam alta, visto que o procedimento permite a liberação do paciente em até 24h.

Neste sábado, 11, outras quatro crianças devem passar pelo procedimento cirúrgico. A iniciativa marca o mais recém investimento da Prefeitura de Boa Vista no HCSA que, na última quarta-feira, 08, inaugurou o Núcleo de Reabilitação da Criança Portadora de Fissura Labiopalatina (Narfis).

O trabalho realizado no Narfis acontece em parceria com a ONG Smile Train e Associação Norte Amazônica de apoio à Pessoa com Fissura Labiopalatina de Roraima (AmazonFir)

O projeto é uma parceria entre a gestão municipal, a ONG Smile Train e a Associação Norte Amazônica de apoio à Pessoa com Fissura Labiopalatina de Roraima (AmazonFir). De acordo com o médico cirurgião plástico e um dos representantes da ONG, Álvaro Sá, responsável pela realização das cirurgias, com auxílio do Dr. Marcus Vinicius, que atua no HCSA, após o procedimento a criança ainda será acompanhada por anos.

“O tratamento completo em si, é o que chamamos de tratamento multidisciplinar, não se resumindo somente ao processo cirúrgico. Essa criança ainda precisará ser acompanhada por diversos profissionais, a exemplo de dentistas, fonoaudiólogos, nutricionistas, assistentes sociais, psicólogos, recebendo esse acompanhamento até a fase adulta para a efetiva reparação e sucesso do tratamento”, explicou.

A parceria teve início em 2019, na gestão da ex-prefeita Teresa Surita, porém, devido à pandemia da covid-19, os trabalhos foram suspensos, sendo retomados agora. De lá para cá 26 crianças passaram pela cirurgia: brasileiras, estrangeiras e de comunidades indígenas.

 Kailane da Silva é mãe do Vítor Arthur, de oito meses e que recebeu alta na manhã deste sábado, 11

DIAS MELHORES – Kailane da Silva é mãe do Vítor Arthur, de oito meses e que recebeu alta na manhã deste sábado, 11. Ela afirmou estar aliviada e feliz com o procedimento. “Pra mim é muita alegria saber que meu filho está tendo essa chance. Só eu sei os diversos episódios de preconceito que passei com ele por conta disso. Só tenho a agradecer toda equipe”, disse.

"Saber que o Enzo está tendo essa oportunidade, me deixa muito feliz”, disse Jucileide, mãe do Enzo

Jucileide Carvalho, mãe do Enzo, de seis meses, também comemorou a realização do procedimento. “Quando recebi o diagnóstico de que meu filho tinha lábio leporino fiquei muito assustada, sem saber o que fazer. Mas logo fui orientada pelo médico de que existia tratamento e hoje, saber que o Enzo está tendo essa oportunidade, me deixa muito feliz”, falou.

TREINAMENTO – Agora, a equipe do HCSA está sendo treinada pelos cirurgiões parceiros da ONG, para que futuramente os cirurgiões locais operem sozinhos. A parceria com a Smile Train, HCSA e a Associação de Fissurados de Roraima - Amazonfir foi um marco para o tratamento dessas crianças no estado de Roraima, sendo uma referência para a região.

 

 

...

SEMCOM PMBV