Terça, 29 Junho 2021 15:41

BNDES QUER FINANCIAR PROGRAMAS EM RR

Avalie este item
(1 Votar)

AS CONTAS DO ESTADO DE RORAIMA VÃO BEM E PROVA DISTO QUE O TRABALHO FEITO DE RECUERAÇÃO TEM ALCANÇADO mais e mais investidores de outros estados querendo conhecer e investir, de fato, me Roraima, e nesta terça, 29, Antonio Denarium recebeu uma comitiva do BNDES (Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social), que veio atrás de oferecer recursos, leia-se empréstimos, para desenvolver pautas locais em diversos segmentos como o da agricultura e regularização fundiária.

Em Roraima, o Banco já trabalha no financiamento e desenvolvimento de um sistema que reúne todos os aspectos legais de uma propriedade, desde a regularização fundiária e ambiental até a outorga d’água e aspectos da assistência técnica e extensão rural.   

“O BNDES é um parceiro do Governo do Estado desde o começo da minha gestão. O Estado tem feito tudo o que é possível para destravar o desenvolvimento de Roraima, seja na regularização fundiária ou ambiental. Estou aqui com minha equipe de Governo para apresentar o que temos feito. Roraima tem chamado atenção em todo o país, o BNDES atento vem aqui com toda a diretoria conhecer as potencialidades para novos projetos”, disse o governador Antonio Denarium.

DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL

O diretor de Crédito e Garantia do BNDES, Pedro Cançado, explicou que o banco tem interesse em investir no desenvolvimento sustentável. “Queremos trabalhar focados no meio ambiente. Promover o desenvolvimento, garantir infraestrutura e ao mesmo tempo com essa preocupação ambiental”, pontuou.

O secretário de Planejamento e Desenvolvimento, Emerson Baú, lembrou que a visita também é a continuidade de um trabalho iniciado há dois meses com a visita do presidente do BNDES, Gustavo Henrique Montezano.

“Essa visita em especial deu foco à questão do ordenamento territorial. Há recursos para a estruturação dos órgãos envolvidos com a regularização fundiária como o Iteraima. Estamos trabalhando para melhorar a nossa base cartográfica, deixá-la mais específica, em especial para montagem do cadastro multifinalitário”, explicou.

O cadastro multifinalitário reúne em um único sistema todos os aspectos legais de uma propriedade, desde o fundiário e ambiental, até outorga de água, além dos aspectos de produção, no que tange a rebanhos e produção agrícola com o sistema da e assistência técnica com a Secretaria de Agricultura.

“Esse cadastro permite ao Governo conhecer melhor as propriedades e a partir disso estabelecer as melhores políticas. Essa visita veio para dar continuidade a negociação para destinar recursos para esse fim”, pontuou Baú.

 

 

...

SECOM GOV DE RR