Segunda, 21 Junho 2021 10:43

40 MIL FAMÍLIAS ATENDIDAS

Avalie este item
(0 votos)

Em mais uma ação de atendimento às famílias que passam por dificuldades neste período de pandemia e de inverno rigoroso, o Governo de Roraima entregou, neste fim de semana, na sede do município de Normandia e em várias comunidades indígenas, cestas básicas do projeto emergencial Cesta da Família, executado pela Setrabes (Secretaria do Trabalho e Bem-Estar Social).

Somando as entregas deste final de semana, já foram atendidas 40 mil famílias em todo o Estado, segundo detalhou o governador Antonio Denarium, ressaltando que as entregas contemplam, na próxima semana, novos municípios e comunidades indígenas.

“Sinto-me satisfeito em contabilizar 40 mil famílias atendidas em todo o Estado, incluindo as comunidades indígenas. O Cesta da Família é um projeto de auxílio emergencial que tem possibilitado alimento de qualidade na mesa de milhares de famílias que passam por dificuldades neste momento. Vamos continuar a contemplar novas famílias e, com o suporte e parceria do deputado federal Ottaci Nascimento, ampliamos o número de beneficiários na capital”, assegurou.

A secretária Tânia Soares reforçou que, com o apoio da emenda parlamentar destinada pelo deputado Ottaci, foi possível ampliar o número de beneficiários na capital e atender mais famílias em situação de vulnerabilidade social.

“Foi um excelente reforço nesta ação social contemplando as famílias que, no momento, passam por dificuldades para a aquisição de alimentos da cesta básica. Nesta semana, vamos retomar as entregas abrangendo novos municípios e famílias que necessitam deste apoio emergencial”, anunciou.

População atendida destaca a importância do projeto

Passando por inúmeras dificuldades em razão da pandemia que afetou diretamente a economia das comunidades, que ficaram sem ter como escoar e vender os alimentos da agricultura familiar, a indígena Júlia de Lima disse que contava com a ajuda dos vizinhos para oferecer comida aos seus familiares.

“Passamos por um período de incertezas. De repente tudo ficou mais difícil, deixamos de ter renda em nossa família para suprir nossas necessidades básicas, a exemplo da compra de alimentos. Quando soubemos que o governo estadual estava executando o programa Cesta da Família, foi um alívio e a certeza de que seríamos contemplados, o que está ocorrendo hoje. Gratidão ao Governo de Roraima pelo socorro nesta situação crítica”, afirmou.

Da mesma forma, o indígena Lúcio Raposo, da comunidade da Raposa, afirmou que sempre teve condições de garantir renda antes da pandemia, mas a situação há um ano tem dificultado a cada momento a economia na comunidade.

“O alimento que o Governo de Roraima nos traz vai nos assegurar, durante quatro meses, suprir essa carência alimentar. Somos gratos por essa ajuda beneficiando toda a comunidade indígena, sendo um reforço muito importante na garantia de nosso alimento”, afirmou.

 

...SECOM GOV DE RR