Sábado, 06 Fevereiro 2021 10:10

POR QUE SÓ A ESTRADA FECHADA?

Avalie este item
(0 votos)

O GOVERNO DENARIUM TEM UMA MISSÃO QUE JÁ EM SEU SEGUNDO ANO DE GESTÃO TEM demorado a tomar determinadas ações, medias que de fato vão ao encontro do anseio popular, mas, mais que isto é preciso que o governador tenha ao seu lado reais assessores, um time de secretários que possa bem lhe servir, informar e ajudar a tomar decisões, que em tempos de pandemia, isto se torna algo ainda mais preocupante.

No último decreto do Estado, o Governo tomou várias decisões para inibir o povo em sair de casa, mas, a atenção ao comércio é sempre válida, pois não se deve esquecer que nenhum lockdown é bem vindo porque saúde está intrinsecamente ligada a economia.

Porém, ao determinar o fechamento das estradas, as empresas interestaduais impedia de operar é um retrocesso, é uma agressão no direito de ir e vir, e, mais que isto não é uma decisão sadia para a economia do Estado, porque se o Aeroporto Internacional de Boa Vista se mantém operante, ali, o perigo de contaminação é tanto quanto igual ou maior que nos ônibus de passageiros, que vêm de Manaus/AM, e vice e versa os que saem de Boa Vista para a Capital amazonense. Mas, as empresas têm seguido rigorosamente oque manda o Ministério da Saúde. 

Todo o processo de higienização, todo o cuidado atendendo as exigências sanitárias de saúde e operando com apenas 50% de sua capacidade de lotação, os ônibus das empresas interestaduais agem em sintonia com a atual demanda, seus carros vêm com lugares só na janelas, e a vida, o trabalho para muitos não para, e diante da procura enorme, e com o preço sempre mais baixo, o que as passagens terrestre acabam sendo mais atrativas.

ILEGALIDADE NAS ESTRADAS

Porém, neste decreto governamental impedido as empresas interestaduais acaba que criou um comércio paralelo, ilegal, e totalmente perigoso em contaminação do vírus, isto porque não se tem o controle e os cuidados de saúde exigidos por lei. 

Pior.

Os preços cobrados por uma vaga em cada carro, van, para sair de Boa Vista para Manaus estão cobrando 400,00 reais por pessoa. E em carros apertados, e sem menor cuidado com a devida higienização. Ou seja, um perigo maior de contaminação!

Mas, as pessoas precisam ir a Manaus, e outros precisam retornar para suas casas! E o Governo precisa entender que estas pessoas nào têm como ficar esperando pelo fim do Decreto.

Um clamor já foi feito pelo empresariado ao Governo para tirar do decreto esta decisão de suspender as viagens interestaduais, porque isto não está correto!

Agora é esperar para saber até onde o governador poderá, se bem assessorado, determinar de forma competente e vir atender aos anseios da sociedade, que não quer ser melindrada e impedida no seu ir e vir!