Sexta, 10 Setembro 2021 10:25

FIESP APOIA POSIÇÃO DO PRESIDENTE

Avalie este item
(1 Votar)

‘Presidente mostrou que prioriza a nação brasileira em detrimento de interesses’, diz Skaf

Fiesp divulgou manifesto em defesa da ‘independência e harmonia entre os Poderes’; presidente da federação ainda disse que atitude de Bolsonaro foi generosa e que carta mostra um novo horizonte

  • Por Jovem Pan

A Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp) divulgou nesta sexta-feira, 10, um manifesto em defesa da independência e harmonia entre os poderes.

A nota assinada por mais de 200 entidades afirma que “momentos de crise exigem de todos serenidade, diálogo, pacificação, política, estabilidade institucional e, sobretudo, foco em ações em ações e medidas urgentes e necessárias para que o Brasil supere a pandemia, volte a crescer de forma sustentável e continue e gerar empregos”.

A proposta da entidade é defender o equilíbrio, pregar a paz e a união e pedir que “haja respeito às regras constitucionais”, afirma o presidente Paulo Skaf. “Temos muitas prioridades que precisam ser atendidas. A única coisa que não precisamos em um momento que é desentendimentos entre nós brasileiros, a democracia é fundamental”, afirmou em entrevista ao Jornal da Manhã, da Jovem Pan.

A decisão de divulgar o documento acontece um dia após o presidente da República, Jair Bolsonaro, recuar nas declarações feitas durante os atos de 7 de setembro e divulgar carta afirmando que nunca teve “nenhuma intenção de agredir quaisquer dos Poderes”. Segundo Paulo Skaf, o posicionamento foi bem recebido pelos empresários, mostrou desprendimento do Chefe do Executivo e “deixou claro que há um novo horizonte” para o país.

“O presidente mostrou que, sem dúvida, ele prioriza a nação brasileira a vaidades pessoais ou interesses políticos. Foi uma iniciativa corajosa. Houve reconhecimento e ele deu tom aos demais Poderes: ‘Olha, vamos estar juntos pelo Brasil’. Isso é ótimo”, pontua o líder da Fiesp.