Segunda, 26 Abril 2021 12:13

RECURSO AJUDA FUNDAÇÃO EM SER DIGITAL

Avalie este item
(1 Votar)

FUNDAÇÃO ALFREDO DA MATTA INAUGURA PROCESSO DIGITAL DE PRONTUÁRIOS COM RECURSOS DESTINADOS PELO SENADOR PLÍNIO VALÉRIO

Em um evento virtual na manhã desta segunda-feira (26), a Fundação Alfredo da Matta (Fuam) inaugurou um sistema de digitalização de documentos e prontuários.

O recurso para a contratação da empresa especializada no processo foi garantido por uma emenda parlamentar do senador Plínio Valério (PSDB-AM) no valor de R$ 925 mil. A partir de agora, a instituição abandona o papel e passa a fazer o prontuário eletrônico de pacientes e a digitalizar o histórico de informações da unidade. “É a tradução da história da hanseníase no Amazonas”, destacou o vídeo de apresentação do novo processo.

É uma alegria muito grande ver o resultado do nosso trabalho em Brasília sendo investido em uma instituição séria no atendimento à saúde para os amazonenses e aos pacientes com hanseníase. Lembro que visitei a Fundação e vi a quantidade de documentos físicos que estavam guardados ao longo de anos, pilhas e pilhas de papéis que agora estão passando por um processo de digitalização. É um processo moderno, que vai simplificar a busca de informações, agilizar o atendimento e melhorar as condições de trabalho dos colaboradores da Fundação, destaca o senador Plínio.

TUDO DIGITAL

O diretor-presidente da Fuam, Ronaldo Amazonas, destacou na live que após 65 anos de existência a Fundação será inserida no contexto de governança digital com o prontuário eletrônico. Segundo Ronaldo Amazonas, em 2018 com a eleição da nova diretoria da Fundação, a governança digital foi uma das metas mais importantes para melhoria do sistema de informação. Atualmente, 700 mil prontuários físicos encontram-se na unidade. Com a implantação do sistema, 50 mil prontuários físicos já foram digitalizados e já podem ser acessados pela plataforma. Outros 11 mil prontuários que estão armazenados em microfilmes serão digitalizados.

Vai possibilitar a agregação de anos de história, para que não se perca a memória dos pacientes com hanseníase, destacou o diretor-presidente. Fomos pedir ajuda e parcerias e fomos prontamente atendidos. Quem ganha são os usuários do SUS e toda a sociedade amazonense. A Fundação recebe os recursos e os emprega muitíssimo bem para que isso seja transformado em benefícios para a população, completou Ronaldo em agradecimento ao senador Plínio Valério. Para o processo, foram adquiridos novos servidores, instalação de computadores e treinamento da equipe de colaboradores.
Além do recurso para a digitalização e a implantação do prontuário eletrônico, o senador também garantiu R$ 400 mil para o custeio da saúde na unidade. O pagamento já foi realizado e a instituição aguarda o repasse do Fundo Estadual da Saúde.

FUAM

A Fundação Alfredo da Matta (Fuam) é vinculada à Secretaria de Estado de Saúde do Amazonas (SES-AM) e tem como finalidade realizar ações de prevenção e atendimento ambulatorial a pacientes de hanseníase e à população em geral que busca assistência em dermatologia clínica, IST/HIV/Aids e cirurgias dermatológicas, com atendimento a pacientes com câncer de pele.