Segunda, 12 Abril 2021 20:53

Vereadores aprovam 100 dias

Avalie este item
(1 Votar)

Vereadores destacam produtividade dos cem dias de administração do prefeito David Almeida

Os vereadores da Câmara Municipal de Manaus (CMM) acompanharam a apresentação do relatório de 100 dias de gestão do prefeito de Manaus, David Almeida (Avante), na sede da prefeitura na capital. Um dos destaques foi para o esforço do executivo municipal no combate ao vírus da covid-19. Entre as ações estão os pagamentos dos auxílios Manauara, Conectividade e Empreendedor. Projetos aprovados pelo Legislativo Municipal nos primeiros meses de 2021 para ajudar financeiramente famílias, professores e trabalhadores afetados pela pandemia.

“Assumimos no pior momento da história sanitária do Brasil, do Amazonas e de Manaus. Nesse turbilhão! E, ainda assim, com a ajuda de todos nós conseguimos sair dos piores indicadores com relação a pandemia. É por isso que estamos fazendo um plano de transformação na nossa saúde. Nó temos conversado com o Ministério da Saúde, a ‘quem’ agradeço”, disse David Almeida.

O vereador Diego Afonso (PSL), segundo vice-presidente da mesa diretora da Casa Legislativa, destacou a produtividade destes cem dias. “Ainda estamos enfrentando esse mal da covid-19, mas os cem dias foram produtivos tanto para a Câmara quanto para o Executivo, eximindo sempre a independência dos dois poderes. Em consonância com a população, levando matérias, pautas importantes que podem, com toda certeza, contribuir e melhorar a qualidade de vida dos manauaras”, completou o parlamentar.

David Almeida ressaltou ainda medidas de otimização dos gastos e controle das despesas necessárias para quitação da dívida municipal de 120 milhões de reais. “Nós economizamos em quase todas as despesas da prefeitura. Assumimos com um bilhão e quatrocentos milhões de reais menor do que o executado em 2020. Nosso orçamento é em torno de cinco bilhões e seiscentos mil, dos quais, aproximadamente, quinhentos milhões para pagamento de despesas da dívida.”

Na área de infraestrutura, mais de 200 obras de drenagens profundas e superficiais foram executadas no período de cem dias. De acordo com secretário municipal de Infraestrutura (Seminf) e também vice-prefeito de Manaus, Marcos Rotta (DEM), 10 mil ruas serão asfaltadas em 2021.

“Nós já estamos com um pacote de obras de inverno, preparando a cidade para um mega projeto que vai vir agora no verão. Temos a meta estabelecida pelo prefeito de estabilizarmos dez mil ruas até o final do ano. A longo prazo a gente vai trabalhar na confecção de viadutos, alargamento de vias, passagens de nível.”

Os recursos para execução das futuras grandes obras de infraestrutura são do Programa de Melhoria da Infraestrutura Urbana e Tecnológica do Município de Manaus.

O líder do prefeito na Câmara, vereador Marcelo Serafim (PSB), comentou que o Projeto de Lei (PL) do executivo foi deliberado em regime de urgência nesta segunda-feira (12/4).

“O projeto visa obter o empréstimo de 470 milhões de reais para que sejam feitas grande parte dessas obras viárias. O prefeito vai pagar aproximadamente 500 milhões de reais de empréstimos passados. Se não repor parte desse dinheiro ao caixa da prefeitura, fica complicado fazer qualquer tipo de investimento. E o que nós queremos é a cidade avançando e não a cidade paralisada”, finalizou.

 

Texto: Naine Carvalho – Dircom/CMM

Foto: Diego Mesquita – Dircom/CMM