Terça, 30 Março 2021 08:41

DE JANEIRO PARA CÁ MAIS DE 400 NOTIFICAÇÕES

Avalie este item
(1 Votar)

Por Emanuele Pasqualotto

Para garantir o cumprimento do decreto 031/E publicado na última sexta-feira, 26, no Diário Oficial do Município, as equipes de fiscalização da Prefeitura de Boa Vista percorreram as ruas da capital durante todo o fim de semana, vistoriando estabelecimentos comerciais e de serviços, além de aglomerações e festas, que estão proibidas de acordo com o decreto.

Ao todo, foram inspecionados 28 estabelecimentos, resultando em três autuações e três dispersões de eventos com aglomerações, além de 24 estabelecimentos que receberam orientações.

Desde o início de janeiro, mais de 400 estabelecimentos comerciais já foram notificados por estarem desrespeitando as normas de segurança sanitária.

A operação é conjunta e conta com fiscais da Vigilância Sanitária, além das secretarias municipais de Economia, Planejamento e Finanças, Serviços Públicos e Meio Ambiente e da Guarda Civil Municipal e Polícia Militar.

O Chefe do departamento de Vigilância Sanitária, Fernando Matos, explicou que a maior incidência envolve o descumprimento do horário de funcionamento de bares e restaurantes, que ultrapassam a hora prevista no decreto. Apesar disso, o número de infrações às medidas sanitárias tem apresentado quedas, o que reflete a conscientização da população.


24 estabelecimento receberam apenas orientações 

“Nós observamos que apesar de ainda termos encontrado estabelecimentos e pessoas descumprindo o decreto, onde expedimos autos de infração, mas sem a necessidade de interdição, foi um fim de semana tranquilo, se comparado a outros dias. O número de autuações reduziu, o que significa que os empresários e pessoas estão se conscientizando do momento delicado que estamos vivendo. Com as medidas surtindo efeito e a população consciente, logo mais flexibilizações serão possíveis”, enfatizou. 

Veja como fica o novo decreto com a flexibilização das restrições

Após 24 dias de restrições mais rígidas ao comércio, campanhas de conscientização e aumento nas fiscalizações e ações coordenadas pela prefeitura, as taxas de ocupação da UTI no Hospital Geral de Roraima baixaram de 82%, em 28 de fevereiro, para 56% na última quinta-feira, 25, uma redução de 31,71% em pouco mais de um mês. Também houve redução na taxa de ocupação nos leitos semi-intensivo, que caíram de 100% para 80% no mesmo período.

Por conta das reduções, a prefeitura flexibilizou os horários de funcionamento do comércio. O que antes abria às 7h passou a abrir a partir das 6h. E o horário de fechamento que antes era às 21h passou para 22h. Os Shoppings também poderão funcionar das 8h às 22h.

 

...

Semcom PMBV