b pf 19

8 m ag

NOVOS EMPOSSADOS...Começa o governo Denarium

...Na tarde desta sexta-feira, dia 4, foram nomeados 37 gestores, que irão assumir secretarias e autarquias...

Por ISAQUE SANTIAGO

Na tarde desta sexta-feira, dia 4, o governador do Estado de Roraima, Antonio Denarium, empossou 37 novos gestores para o primeiro escalão. Os novos nomes vão assumir as secretarias e autarquias. A cerimônia, que contou com presença de autoridade civis e militares, ocorreu no Salão Nobre do Palácio Senador Hélio Campos, sede oficial do governo.

Durante a cerimônia de posse, Denarium ressaltou que a nova gestão vai colocar Roraima no caminho do desenvolvimento econômico e social, com foco na transparência e isento de corrupção.

Ele destacou que os gestores começaram a ser escolhidos após o resultado das eleições. “Depois do segundo turno da eleição, começamos a indicar os futuros secretários, alguns inclusive participaram da transição de governo. Assim que assumimos a Intervenção Federal, eles também foram nomeamos. Hoje, de forma oficial, assumem as funções, nomeados pelo governador eleito”, complementou.

Denarium pontuou ainda que os novos gestores vão trabalhar para sanear as contas públicas. “Desde o início da Intervenção estamos trabalhando todos os dias. Essa é a prova do nosso comprometimento com essa mudança que toda a população espera e tem a esperança de que seja realizada. Vamos cumprir tudo aquilo que nos comprometemos durante a campanha, de fazer uma gestão honesta, justa, transparente e isenta de corrupção. Vamos fazer um Roraima cada dia melhor”, enfatizou.

O vice-governador, Frutuoso Lins, destacou que os novos gestores estão preparados para o desafio de gerir as pastas para que foram designados. “Esse período após a eleição, em que passamos pela transição e depois pela Intervenção, serviu pra conhecermos o tamanho do problema que estamos enfrentando no Estado de Roraima. Estamos aqui para fazer a diferença e isso em nada nos assusta”, declarou.

Lins afirmou ainda que serão adotadas medidas retas e transparentes, para ‘cortar na carne’ os problemas e demonstrar ao Estado o caminho a ser seguido. “Com a ajuda do general Pazuello [secretário titular da Sefaz], que desenhou toda a parte financeira e fiscal em um levantamento, temos um horizonte a seguir. Também estamos fazendo um levantamento de como vai ficar a parte administrativa, que tem sido um desenho dentro da nossa realidade econômica, que atualmente é dura e crítica”, disse o vice-governador.

Conforme ele, é preciso arregaçar as mangas para recolocar o Estado no caminho do desenvolvimento social e econômico. “Todos os gestores foram escolhidos pela capacidade técnica. Agora é o momento de arregaçarem as mangas, trabalhar e fazer o possível para colocar o Estado nesse caminho de combate à corrupção”, disse.

DIÁLOGO E PARCERIA 

Antes mesmo de assumir como governador, logo após o resultado do segundo turno das eleições, Denarium iniciou um diálogo com os parlamentares de Roraima em Brasília para garantir emendas de bancada para aplicar em setores como educação, saúde, segurança e infraestrutura.

O passo seguinte foi estabelecer diálogo com os poderes quanto a repactuação do duodécimo. “Já fizemos uma reunião com todos os Poderes e iniciamos o diálogo sobre a necessidade de repactuação dos valores repassados. Isso é fundamental para o equilíbrio das contas públicas”, enfatizou.

INTERVENTOR FEDERAL 

No dia 8 de dezembro, foi surpreendido com o convite do então presidente, Michel Temer, o convidando para ser o Interventor Federal. “Ficou acertada a transferência de R$ 225 milhões para colocar a folha de pagamento dos servidores em dia. Pagamos algumas secretarias que estavam com quatros meses de atraso salarial. Também fizemos repasse para as prefeituras referente a valores devidos de ICMS.”, disse.

 PAGAMENTOS

O governador anunciou ainda que dos recursos destinados durante a Intervenção Federal, sobraram R$ 30 milhões que serão somados à parcela do FPE (Fundo de Participação dos Estados) do dia 10 de janeiro, para o pagamento da folha do mês de dezembro de 2018 de todos os servidores (administrações direta e indireta).

Denarium pontuou ainda que as contas públicas serão administradas com total transparência. “Vamos pagar a folha do funcionalismo público bruta e não a líquida como vinha sendo feita. Vamos repassar para cada Prefeitura o que é devido, pagar todos os débitos que temos junto a previdência, consignados e Imposto de Renda, pagando da forma que a legislação determina. Não vamos cometer improbidade administrativa, vou mostrar para a população para onde foi cada centavo”, se comprometeu o governador.

REFORMA ADMINISTRATIVA

Além da transparência na gestão de recursos, Denarium garantiu que vai fazer uma reforma administrativa. “Encontramos um Estado destruído, quebrado e falido, com um endividamento superior a R$ 6 bilhões. A reforma é mais do que necessária para colocarmos o Estado nos eixos. Iremos elaborá-la nas próximas semanas e tentar executar o quanto antes”, afirmou.

....

Fotos: Fernando Oliveira

ban zona 

ban gov am

prente

 

agnorte logo02

© 2015 Agência Norte Online. All Rights Reserved. Designed By HM