Empreendedorismo com 18 escolas municipais

Alunos iniciam novo ciclo de aulas com o Jovens Empreendedores Primeiros Passos

Este ano, 21 turmas do 3º e 4º ano conhecerão o mundo dos negócios

O segundo ciclo de oficinas dos Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP) retornou esta semana para as escolas municipais. Foram contempladas este ano, 18 escolas municipais e 21 turmas do 3º e 4º do Ensino Fundamental. Uma média de 570 alunos vivenciarão em sala de aula experiências empreendedoras com a criação de um plano de negócios. A abertura oficial das atividades foi realizada nesta quinta-feira, 18, na Escola Municipal Menino Jesus de Praga, no bairro Jóquei Clube.Exibindo 18.05.2017 Jovens Empreendedores Foto Eduardo Andrade (39).jpg

O projeto é uma iniciativa do Sebrae/RR em parceria com a Secretaria Municipal de Educação e Cultura. A metodologia do JEPP estimula o aluno a desenvolver a criatividade, resolver problemas além de prepará-los para as escolhas no futuro, como ingressar no mercado de trabalho, contribuir para o desenvolvimento social por meio da cooperação, cidadania, geração de renda de maneira sustentável.

Representantes do Sebrae/RR participaram da abertura oficial, entre eles, Elissandra Costa, coordenadora do Programa de Educação Empreendedora e gestora do JEPP. Segundo ela, a projeto tem como objetivo fortalecer e disseminar a cultura empreendedora entre crianças e adolescentes com o envolvimento de mais de 860 alunos do 1º ao 9º Ano do Ensino Fundamental de escolas públicas e privadas. Deste participam 20 escolas, 18 municipais e duas privadas.

A metodologia visa principalmente à disseminação do comportamento empreendedor, o planejamento e a estruturação de um plano de negócios. A nossa maior expectativa é que isso venha contribuir não somente para a vida do aluno, mas na escola, família, comunidade e estado. No comportamento empreendedor você aprende a definir metas, ter compromisso, trabalhar com qualidade, relacionamento com o cliente, conhecimento de mercado e todo o planejamento de futuro”, ressaltou.

Para cada ano escolar, o programa tem um modelo de negócio diferenciado. Como este ano, a Secretaria Municipal de Educação decidiu envolver somente com as turmas de 3º e 4º Ano, serão dois temas a serem trabalhados. As turmas do 3º ano terão que desenvolver o tema “Brinquedos Ecológicos” e criar uma loja de peças lúdicas sustentáveis, com a utilização de materiais recicláveis. Já o 4º ano terá que abrir uma “Locadora de Produtos”, e emplacar a locação de diversos produtos junto à comunidade escolar.

Para o secretário adjunto da Secretaria Municipal de Educação, Hefrayn Lopes, a experiência do ano passado foi um sucesso, porque, segundo ele, o projeto culmina naquilo que é proposto, que é despertar o empreendedorismo na criançada. “Acredito que essa seja uma preparação para o mercado de trabalho. Mas alguém pensa, eles são apenas crianças e já estão sendo preparados para o mercado? não é que os alunos vão trabalhar agora, mas já terão o entendimento de como funciona o mundo dos negócios. Isso firma a postura delas enquanto cidadãos responsáveis. Estamos criando desde a base, pessoas que vão contribuir com o crescimento econômico e cultural do nosso estado”, disse.

 Exibindo 18.05.2017 Jovens Empreendedores Foto Eduardo Andrade (42).jpg

Os professores que estão com a missão de transmitir as oficinas passaram por uma capacitação entre os meses de abril e maio. A turma contemplada com o JEPP na Escola Municipal Menino Jesus de Praga, foi a da professora Isa Oliveira, 3º Ano 32. Os 30 alunos da turma abraçaram a missão de desenvolver uma loja de brinquedos ecológicos.

A escola está entrando neste projeto com uma expectativa muito grande de sucesso. Como o JEPP já é pensado para a criança, acho que não teremos dificuldades em transmitir as ações, acredito que os alunos vão gostar, afinal de contas, aprender de forma lúdica é algo que interessa muito. Contamos que as habilidades que eles terão que desenvolver trará muitos benefícios para a vida escolar deles”, ressaltou a professora.

As oficinas temáticas com os alunos será de maio a setembro deste ano, e que culminará na Feira de Negócios a ser realizada em outubro. Todas as empresas criadas estarão em exposição para a comunidade prestigiar o trabalho que duraram cinco meses.

Confira as turmas incluídas no projeto, este ano:

Escolas

Turmas

Prof. orientador

Tema

Arco-Iris

3º ano

Florença L. da Silva

Brinquedos Ecológicos

Balduíno Wottrich

4º ano

Rosangela dos A. Silva

Locadora de Produtos

Francisco de Souza Bríglia

4º ano

Sandra T. do Nascimento

Locadora de Produtos

Hilda Franco de Souza

3º ano

Maria Helena F. da Silva

Brinquedos Ecológicos

Ioládio Batista da Silva

3º ano

Janete das Graças M. Paz

Brinquedos Ecológicos

Ioládio Batista da Silva

3º ano

Janete Paz

Brinquedos Ecológicos

Ioládio Batista da Silva

4º ano

Rogerio de S. Freitas

Locadora de Produtos

Juslany de Souza Flores

4º ano

Dagléia Mota Lima

Locadora de Produtos

Luiz Canará   

3º ano

Luciene de O. Paula

Brinquedos Ecológicos

Maria Gonçalves Vieira

4º ano

Alizandra Ribeiro

Locadora de Produtos

Maria Teresa Maciel

3º ano

Nayara Talita

Brinquedos Ecológicos

Maria Teresa Maciel

4º ano

Elza Barros

Locadora de Produtos

Menino Jesus de Praga

3º ano

Isa Oliveira Gomes

Brinquedos Ecológicos

Palmira de Castro Machado

4º ano

Rogerio de S. Freitas

Locadora de Produtos

Prof Carlos Raimundo

4º ano

Edileuza O. Lima

Locadora de Produtos

Prof Carlos Raimundo

3º ano

Cristiane S. da Silva

Brinquedos Ecológicos

Prof.ª Carmem Eugênia Macaggi

4º ano

Nara Kelly O. Leal

Locadora de Produtos

Prof.ª Amazona de Oliveira

4º ano

Elton Souza Reis

Locadora de Produtos

Acesse mais informações noPortal de Notícias da Prefeitura de Boa Vista.
Siga o Twitter
@PrefeituraBVe curta a páginafacebook.com/prefeituradeboavista

sebra dir

parente fm

 

BAN DOWN INTERNO
© 2015 Agência Norte Online. All Rights Reserved. Designed By HM