GOVERNO DAVID CHEGA COM MEDICAMENTOS

Os 526 itens de medicamentos e de materiais laboratoriais adquiridos pelo Governo do Amazonas já estão abastecendo unidades de saúde na capital e dos municípios do interior. Desde que chegaram a Manaus, no dia 29 de maio, a Central de Medicamentos do Amazonas (Cema), órgão responsável pela compra, recebimento e pela logística de entrega e envio do material, iniciou essa distribuição. Ao todo, serão abastecidas 365 unidades de saúde no Estado, da capital e do interior. Até o 12 de junho, 42 municípios já tinham recebido o material. A previsão é que todo o interior seja abastecido até o dia 4 de julho.

Em torno de R$ 52 milhões foram empregados pelo governo para a compra dos medicamentos. A aquisição é parte do Plano Emergencial de Saúde, que tem o objetivo de zerar as filas de espera para exames médicos, consultas com especialistas e cirurgias eletivas. Os medicamentos estão sendo encaminhados obedecendo a um cronograma com estratégia de logística para cada local de destino. Foram embarcados para o interior, via fluvial e por transporte rodoviários, 3.625 volumes. Além dos hospitais, as unidades de pronto-socorro, receberão os itens, as coordenações de endemias, DST/AIDS, programa Saúde Mulher e Oncológicas, de todo o Amazonas.

Os municípios da Região Metropolitana, como Iranduba, Manacapuru e Novo Airão, receberam, no último dia 29 de maio, 700 lotes de medicamentos e materiais hospitalares. Já os municípios da Calha do Juruá, como Envira, Ipixuna, Juruá, Carauari, Itamarati, Eirunepé e Guajará, devem ser abastecidos, em sua totalidade, até o início do mês de julho. Para essa região foram enviados, no último dia 6, mais de 400 lotes de medicamentos. Eles chegaram às cidades em torno de 30. Nesta segunda-feira, dia 12, o município de Santa Izabel do Rio Negro recebe 80 lotes de medicamentos para abastecer as unidades de saúde da localidade.

Conforme o diretor da Central de Medicamentos, Erick Barbosa, o Governo do Estado já autorizou a aquisição de mais 60 itens para atender às demandas de baixa e média complexidade das unidades do interior. “Mais 60 itens foram autorizados pelo governador David Almeida para serem enviados ao interior. Esses novos medicamentos serão adquiridos diretos de laboratórios oficias e devem chegar nos próximos 15 ou 20 dias”, estima Barbosa.

 

po Redação AgNorte

parente fm

 

OUT ROSA PREF MAO

© 2015 Agência Norte Online. All Rights Reserved. Designed By HM