PREFGOV 4 M

CONSCIENTIZANDO CONTRA EXPLORAÇÃO INFANTIL

Por Érica Marinho

Em alusão ao dia Dia Nacional de Combate ao Abuso e a Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescente, comemorado no dia 18 de maio, a Divisão Distrital Zonal (DDZ) Sul realizou, na manhã desta quinta-feira 18/5, na Escola Municipal Joaquim da Silva Pinto, bairro Crespo, a abertura da campanha ‘Faça Bonito’. A ação foi coordenada pela Gerência de Atividades Complementares e Programas Especiais (Gacpe) da Secretaria Municipal de Educação (Semed).

Para a abertura do evento, os professores da escola e assessores pedagógicos da DDZ, na presença da coordenadora de Ações de Prevenção e Enfrentamento à Violência Sexual Infanto-Juvenil da Semed, Eliana Hayden, apresentaram aos estudantes, pais, responsáveis, diretores das escolas situadas naquela zona, a história clássica de Chapeuzinho Vermelho, de forma adaptada para a campanha reforçando o tema abuso sexual e a importância da criança denunciar o mais rápido possível o fato.

“Estamos trabalhando em conjunto com professor e pedagogo por meio de palestras, dramatização e chamamos os pais para que eles também sejam conscientizados e sensibilizados a observar se algo de errado está acontecendo com o seu filho”, explicou a diretora da escola, Miriam Santana.

Segundo o gerente pedagógico da DDZ Sul, Anderson Rodrigues, todas as 68 escolas atendidas pela divisão estão envolvidas no combate a esse tipo de crime. “Desde o início do ano todas as escolas da nossa divisão realizam o plano pedagógico utilizando como estratégia da campanha Faça Bonito, observando sempre a criança para que não seja violado o direito enquanto ser humano”, disse.

Anderson destacou ainda que o tema não deve ser tratado apenas em um momento, mas todos os dias durante todo o ano letivo e ressaltou que os professores têm feito um trabalho minucioso de conversa, orientação com as crianças e atividades que possam fazer com que elas estejam espertas e atentas para que não sofram esse tipo de abuso.

Foi apresentado ainda aos pais e responsáveis vídeos da campanha para esclarecer algumas dúvidas sobre o assunto. Anny dos Santos, mãe do aluno Luidy Duarte de 9 anos, apoia a ação da escola. “As vezes dentro de casa a gente fica ocupado com as atividades do dia a dia e não percebemos se alguma coisa está acontecendo com o nosso filho e na escola, por meio das atividades, o aluno pode demonstrar se algo de errado está acontecendo”, declarou.

...
Fotos: Cleomir Santos

parente fm

ban pref arraial17

© 2015 Agência Norte Online. All Rights Reserved. Designed By HM