OMAR QUER TIRAR O 'CALO' E GANHAR A 'NOIVA'

REDAÇÃO AgênciaNorte

www.agnorte.com.br

Por Marlen Lima

A coletiva para a imprensa ficou apertada na sede do PSD, no Vieiralves, com a ocupação de muitos correligionários, mas, em tese é assim que o senador Omar Aziz se sente, no aperto para costurar suas alianças políticas em que possa ter, em especial, o seu maior desejo de campanha - a obtenção do apoio do prefeito de Manaus, Arthur Neto à sua candidatura ao Governo, já que nesta quinta, 5, ele afirmou ser pré candidato a governador.

Omar deixou claro que já não comunga há tempos com a política que é feita pelo governador Amazonino Mendes, que foi alçado ao cargo que está, por justamente ter Aziz como o idealizador e articulador que tirou Negão da sua rede de sua casa, e o ajudou a elegê-lo para mais um mandato à frente da máquina estatal.

Porém, nem sempre o combinado é cumprido, pois havia o entendimento entre Omar, Amazonino e Arthur, mesmoq ue nenhum deles confirmem isto abertamente, que uma vez eleito para esta temporada de governador tampão, de outubto passado até o fim deste ano, Negão apoiaria Omar para esta eleição.

Mas, uma vez no poder, ainda que nada oficial tenha sido dito, mas, as ações de Amazonino mostram que o governador pretende ir mais além em seu mandato, e deve romper com qualquer acordo, ou combinado do passado.

36706496 1687921931276217 7554117041460871168 n

FATO

Arhur Neto tem dito por várias vezes que sempre que questionava, lá atrás na campanha, se Negão seria candidato só para esta eleição tampão, que não sairia para a reeleição, Amazonino afrmava que sim, iria ajudar agora e não se candidataria mais a nada. O prefeito, assim como Omar, também tem se afastado mais e mais do governador, e críticas têm sido feitas a postura do governador, de muita insatisfação. Agora, por outro lado sendor e prefeito estão a cada dia mais afinados nas conversas.

Omar afirma que Arthur não é a 'noiva' desta eleição, e, sim, um forte aliado, parceiro, "um grande líder, amigo que se me der a honra de estar ao meu lado será muito bom!", destacou o senador, que em seu discurso disse o mesmo do mesmo, tipo, que se eleito novamente governador haverá transparência, mais e mais transparência, uma vez que é isto que a sociedade cobra, "é o que todos querem, é a sociedade organizada fiscalizando, não existe salvador da pátria, o que existe é boa gestão!".

Das operações federais que tem seu nome investigado, Omar salientou que nada teme porque segundo ele, há três anos é investigado e "nada foi descoberto contra mim!", diante disto o senador afirma que não tem medo e que segue firme em sua carreira política - agora postulando novamente ser governador. 

Diretamente falando de Amazonino, Omar afirma que é o povo que vai julgar o governador. "Eu discordo de muitas coisas da gestão do Amazonino, e isso é natural no processo, e a oxigenação, a moderinização que se esperava, não aconteceu!", salienta o senador, que embora cutuque Negão, hoje o seu maior 'calo', mas quando o faz jamais de forma visceral, e Iisto porque ainda paira no ar a possibilidade de Aziz costurar uma grande aliança em que o governador desista de uma possível reeleição, e se junte a ele e Arthur. 

ban zona 

ban gov am

 

agnorte logo02

© 2015 Agência Norte Online. All Rights Reserved. Designed By HM