DENARIUM, ANO LEGISLATIVO E O CHEIRO DISSO TUDO...

Na abertura do ano legislativo, Denarium diz que só com união entre os poderes Roraima sairá da crise..Porém, caro leitor, cidadão, aperte o nariz porque tem muita merda espalhada...

REDAÇÃO AgênciaNorte

www.agnorte.com.br

Por Marlen Lima

Não sei você, caro leitor, cidadão de bem de Roraima, mas, daqui da Colina, o site AgênciaNorte não vê com bons olhos esse legislativo que fomos presenteados.

Isto porque ao ver mais um ano legislativo sendo iniciado, e este ano com novos deputados, que em sua maioria esmagadora já chegou na política sujando o mandato quando se aliou, descaradamente, ao lado do que hoje existe de pior e de mais nefasto para a política roraimense, que é o atual presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Jalser Renier, o menino de ouro que é reconhecido como um rato da política macuxi. (Lembremos que estes novos deputados eleitos foram decisivos em manter Jalser presidente...!)

Assim, nesta terça, 19, na abertura dos trabalhos da Assembleia Legislativa de Roraima, que contou com a presença do governador Antônio Denarium, e demais autoridades, o que vi foram deputados processados, que já foram presos, e que só foram soltos por conta de muito dinheiro, provavelmente, oriundo de corrupção, ou seja, nos deparamos com um legislativo já manchado pela sujeira do eterno desvio de recursos eleitoral/político.

Ao iniciar os trabalhos legislativos, vi um governador falar em unidade, porém, o que sabemos que a união pregada no discurso de Denarium só existe à base de pagamentos, seja por cargos no governo, tão inchado e já com suas contas estouradas, ou através de abrir as pernas para empresas indicadas dos políticos. (Claro, Antônio foi eleito para mudar isto...)

“Começo um novo caminho na história do nosso Estado, caminho esse que será trilhado para a reconstrução e alinhamento. Recebi um Estado defasado, diante de tantas dificuldades provocadas pelos desgovernos anteriores”, disse Denarium, e parte desta destruição econômica que vivemos, tem o dedo justamente daquele que hoje mais uma vez se coloca como o salvador, o grande parceiro do governo que quer ajudar a reconstruir o Estado, porém, Jalser, no governo anterior, engessou Suely Campos, e se aproveitou de achaques políticos para colocar empresas, que mais tarde tiveram seus donos presos, entre eles uma deputada, que usa tornozeleira eletrônica. Aff...!

Ou seja, Denarium prega uma união dos poderes judiciário e legislativo, além do de Contas, porém, há um preço a ser pago por isto! E um preço em que mexe com a minha saúde, com a minha educação, com a minha segurança...Minha, sua, de todos nós, que de fato somos nós que pagamos!!

19.02 Abertura ano legislativo 4

No caso legislativo Denarium terá que lidar, como já está lidando, com o seu maior adversário, o deputado Jalser, um campeão cara de pau, que vem com esse sorrisinho amarelo e um discurso piegas, como o que foi lido na abertura do legislativo, se colocando como um político altivo.

Nunca foi!!

Anão político, de tacanho em sua total proporção, na real Jalser só tem mantido a pecha de ser o pior presidente por qual a Assembleia Legislativa teve até hoje. Não há quem tenha mais colocado a Assembleia Legislativa em escândalos vergonhosos, seja com a Polícia Federal, Polícia Civil apreendendo documentos, prendendo servidores, corruptos, além de seus atos transloucados de pura agressão a uma mulher, em plena rádio da cidade.

ELE LEU MAQUIAVEL

Em seu discurso, Denarium destaca. “Cabe a esta Casa [Assembleia Legislativa] criar, aprovar leis e fiscalizar, defender e ser a voz da população, principalmente dos que mais precisam”. E como forma de mostrar que já está aprendendo as nuances da política, o governador afirma que é preciso estreitar relações com ministros, deputados federais, senadores e com o presidente Jair Bolsonaro, para apoiar Roraima, e nisto terá que engolir um Rato junto.

“Alinhamos metas para desenvolver o Estado e tenho trabalhado intensamente e com determinação para sanar as contas públicas”, afirmou Denarium, e salientou, “apesar de todas as dificuldades que estamos enfrentando, conseguimos honrar os salários dos servidores que estavam atrasados em até quatro meses, como também pagamos o mês de janeiro para as empresas terceirizadas que prestam serviço para o governo. Estamos fazendo ajustes, cortando gastos e excessos para nos adequar à Lei de Responsabilidade Fiscal”, enfatizou o governador que mostra, de fato, que está empenhado em dar outra versão política ao Estado.

19.02 Abertura ano legislativo

E aí, vem o pieguismo, e este ano não teve cantoria em plenário, teve mesmo é calhordice nos sorrisos dos eleitos, um sorriso que é o sarcasmo diante do eleitor idiota, aquele que acreditou ou se vendeu para eleger muitos que começarão este ano legislativo se achando que na mega sena acertou.

“Essa integração nos fortalece e garanto que iremos convergir metas das mais simples às mais complexas, em propostas que resultarão em melhor qualidade de vida para a sociedade roraimense”, disse o presidente da Assembleia - e, nesta hora, eu me contive para não rir.

FALSIDADES À PARTE

Nesta abertura do ano legislativo, claro, além do governador ir ler sua mensagem governamental, o poder legislativo contou com a presença de autoridades - o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Mozarildo Cavalcanti; presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Jefferson Fernandes e o comandante da 1ª Brigada de Infantaria de Selva, general Márcio Bessa Campos, o procurador-geral da Defensoria Pública, Stélio Dener; a vice-presidente da Ordem dos Advogados do Brasil em Roraima, Clarissa Vencato; a presidente do Tribunal de Contas, Cilene Lago Salomão; entre outros.

Bom, meu caro leitor, foi aí que pensei que como aqueles senhores e muitos outros são forçados a aguentar tanta cara de pau e ainda ter que dar sorrisinhos e tapas nas costas.

Daqui do outro lado, torço, sim, como você também, por um Estado que se recupere, e possamos realmente ter orgulho de aqui viver, e ter valido o voto, ainda que mais da metade dos deputados eleitos e reeleitos, uma maioria é amoral, e o cheiro que vem deste atual plenário é repugnante...É, aí, meu caro, a hora em que você aperta o nariz...

ban zona 

ban gov am

prente

 

agnorte logo02

© 2015 Agência Norte Online. All Rights Reserved. Designed By HM