...Amazonino pode estar sendo enganado, mas seu escolhido do IDAM 'mal' tem o segundo grau....

REDAÇÃO AgNorte

www.agnorte.com.br

Por Marlen Lima

Amazonino Mendes está empenhado em trabalhar na recuperação do Estado, esse é seu foco num curto prazo, até porque é sabido por todos que ele não tem muito tempo para poder dar respostas ao povo do Amazonas. Porém, neste afã, o governador precisa se cercar de cuidados, e um deles são suas contratações, no caso, me refiro a João Campelo, que deixou a presidência da Associação Amazonenses dos Municípios (AAM) para assumir o cargo de presidente do IDAM - Instituto de Desenvolvimento Agropecuário Florestal e Sustentável do Estado do Amazonas.

João Campelo não tem currículo para tal empreitada, uma vez que o regimento do IDAM, no item 10, exige para nomeação dos diretores, o nível superior.

Pelos corredores do Intituto, o que se diz é que esta indicação foi feita pelo ex prefeito Tabira Ferreira, de Juruá, foi uma furada. Aquele típico negócio que acaba expondo o governador de forma desnecessária, quando se sabe que não há tempo para erros pelegos.

Sabe-se da relação fraternal que Negão nutre ex prefeito, porém, é preciso ter as devidas e necessárias cautelas. Para uns aliados do governador, ele não está sabendo desta falha na indicação de seu amigo. 

Porém, caso Negão mantenha João Campelo, existe rumores que um movimento dentro do IDAM, formado por técnicos e engenheiros, que não aceitam essa referida nomeaçã por conta do regimento, deve ser respeitado. Para tanto, é dito que este grupo fará representação no Ministério Público contra a permanência de Campelo.

 

 

 

 

parente fm

 

OUT ROSA PREF MAO

© 2015 Agência Norte Online. All Rights Reserved. Designed By HM